São José dos Campos, 16 de Janeiro de 2018

Artigo Pe. Silvio: Ano novo, vida nova!


Toda chegada de um novo ano desperta em nossos corações um sentimento de esperança por algo melhor e assim sempre desejamos para todos os que cumprimentamos por esses dias: um feliz ano novo!

Como pensar em felicidade quando tocamos, todos os dias, uma vida tão cheia de contrariedades, marcada pela violência, pelo descaso humano, pela indiferença diante da dor do próximo? Basta olhar os hospitais cheios e a péssima qualidade de atendimento, falta de moradias, uma educação comprometida, tantos desencontros acontecendo todos os dias.

Ainda assim, ousamos acreditar que dias melhores virão e cabe a cada um de nós a iniciativa de construir esse novo tempo. Outro grande desafio é dar sua própria contribuição quando se toca em tamanho egoísmo, onde cada um pensa em si e em suas próprias coisas.

Se cada um pudesse despertar a sua parte na construção de uma vida mais feliz, quem sabe, a soma de tantos pequenos gestos, faria acontecer um feliz ano novo.

Pense nas gentilezas que podemos manifestar a todo o momento, através de um atendimento, ajudando alguém que necessita, antecipando-se em gestos de bondade. Pense nas respostas educadas que poderíamos oferecer em todas as circunstâncias, contribuindo para um diálogo mais respeitoso e nobre.

Pense no cuidado que podemos ter para com o meio ambiente, em cada lixo sendo jogado no próprio lixo, no respeito pelo patrimônio público, no cuidado com sua própria calçada, no respeito ao trânsito. Pense no cuidado com os animais, não os maltratando. Só aí, perceberíamos o quanto o mundo começaria a mudar e então sim, viveríamos um ano novo repleto de muita felicidade, de um pouco mais de paz e alegria.

Quem sabe 2018 nos desafie a isso? Não desista se você parecer o único a acreditar nisso! A força do bem sempre será desafiada pela força do mal. Bem-aventurados os que constroem a paz!

Um feliz 2018 para você que fará de tudo para que esse novo ano seja melhor!

 

© Copyright 2010, Paróquia Sagrada Família. Todos os Direitos Reservados.

Desenvolvimento: